SIMPÓSIO NACIONAL DAS FAMÍLIAS

SIMPÓSIO NACIONAL DAS FAMÍLIAS

SIMPÓSIO NACIONAL DAS FAMÍLIAS

  • 26 de Maio de 2021
  • Publicado, 14:32:33

SIMPÓSIO NACIONAL DAS FAMÍLIAS VAI REFLETIR SOBRE

PROCESSOS DE INICIAÇÃO À VIDA CRISTÃ

VOLTADOS PARA A FAMÍLIA

 

          Com o tema “Família e Catequese”, o 11º Simpósio Nacional das Famílias será oportunidade de reflexão sobre a importância dos processos de iniciação à vida cristã voltados para a família e também os processos que ocorrem no ambiente familiar, na formação cristã dos filhos pelos pais. No próximo sábado, 29 de maio, a Comissão Episcopal Pastoral para a Vida e a Família da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), por meio da Comissão Nacional da Pastoral Familiar (CNPF), vai reunir centenas de agentes de pastoral e integrantes de movimentos eclesiais no evento que ocorrerá de forma on-line pelo segundo ano seguido.

Será possível acompanhar o 11º Simpósio Nacional das Famílias pelo canal da Pastoral Familiar no Youtube e na página da CNBB no Facebook.

Os pais como primeiros educadores na fé

          Os documentos eclesiais afirmam e reforçam a importância da família e do papel dos pais como os primeiros e principais responsáveis pela vida e pela educação de fé de seus filhos. Falam sobre o assunto o Diretório Geral da Catequese, o Código de Direito Canônico e também o Novo Diretório para a Catequese, publicado no ano passado. Segundo o assessor da Comissão Episcopal Pastoral para a Animação Bíblico-Catequética da CNBB, padre Jânison de Sá Santos, um dos palestrantes do 11º Simpósio das Famílias, o Novo Diretório dedica uma atenção especial sobre a catequese em família, “os pais como iniciadores na fé dos seus filhos, uma catequese também para namorados, para noivos e para jovens casais”.

Responsabilidade na iniciação à vida cristã

          Padre Jânison observa que a responsabilidade dos pais na educação dos filhos em algum momento da história foi se perdendo: “Os pais delegaram aos catequistas, às instituições essa missão. Mas não podemos esquecer dessa responsabilidade”. A Igreja motiva na atualidade a redescoberta de uma catequese familiar a serviço da iniciação à vida cristã, segundo o assessor: “Os pais que iniciam seus filhos na fé, alimentam e os ajudam a crescer na mesma fé”.

          O tempo de pandemia da covid-19 tornou possível muitas experiências de pais que assumiram de forma mais intensa a missão de educar os filhos na fé. Padre Jânison conta que no último ano as paróquias buscaram enviar material para os pais para que realizassem algumas atividades com as crianças. “Em alguns casos, não é propriamente dita uma catequese sistemática, mas um alimentar a fé da família, catequizandos e pais”, explica.

“São enviados textos bíblicos, propostas de celebração, propostas de leitura orante, enviada para os pais por e-mail ou através do Whatsapp, Instagram ou até mesmo o catequista que entrega às famílias em determinado dia da semana; as famílias se reúnem, rezam, partilham a palavra; enfim, os pais catequisando seus filhos. Temos essa experiência em várias dioceses do Brasil e creio que está crescendo sempre mais essa convicção e certeza do acompanhamento dos pais na iniciação à vida cristã de seus filhos. Os pais como catequistas, como iniciadores. É uma experiência importante e bonita. Mesmo diante da dificuldade dos pais, que podem trabalhar o dia inteiro e têm pouco tempo, mas não podemos esquecer dessa missão tão bonita que os pais têm que ter na educação na fé de seus filhos”, partilha padre Jânison.

 

Colaboração e trabalho conjunto

          Parceiras na realização do 11º Simpósio Nacional das Famílias, as Comissões Vida e Família e Animação Bíblico-Catequética da CNBB devem se enriquecer no trabalho conjunto entre catequese de iniciação à vida cristã e Pastoral Familiar. “Eu creio que essa colaboração mútua enriquece a ambos. Agradeço a Deus e à Comissão Nacional da Pastoral Familiar por esta proposta de refletirmos juntos, trabalharmos juntos, somarmos forças que o importante é a evangelização. São Paulo afirma ‘Ai de mim se não anunciar o Evangelho’. A missão da Igreja, a natureza da Igreja é evangelizar, então somamos forças, juntos queremos evangelizar, queremos anunciar sempre mais a mensagem de Jesus Cristo a todas as pessoas”, ressalta padre Jânison.

          O 11º Simpósio Nacional das Famílias é aberto para todos que desejarem participar. Os interessados em participar podem se inscrever para receber informações sobre a atuação da Pastoral Familiar e concorrer a brindes relacionados à temática do Simpósio.  Acesse o link e saiba mais: http://bit.ly/Simp2021

 

Foto de capa: Priscilla Du Preez / Unsplash

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Compartilhar postagem nas redes sociais: